Sesc Piracicaba Abre Inscrições Para Bienal Naïfs do Brasil 2014

Por em Janeiro 30, 2014
Sesc Piracicaba Abre Inscrições Para Bienal Naïfs do Brasil 2014

Artistas e realizadores podem cadastrar sua participação a partir do dia 18 de fevereiro. Evento tem abertura marcada para 07
de agosto e propõe extrapolar os limites da estética tradicional para descobrir novos caminhos na produção popular.
 
Realizada pelo Sesc São Paulo desde 1992, na Unidade de Piracicaba, a Bienal Naïfs do Brasil foi criada com o intuito de privilegiar a participação dos artistas plásticos produtores de obras enquadradas na categoria de arte ingênua, espontânea, instintiva, popular, naïf ou naïve, que em sua maioria as concebem de maneira autodidata.
 
Em 2014, o evento chega a 12ª edição com a proposta de preservar este prolífico e fértil território de ideias, além de extrapolar os limites físicos do Sesc Piracicaba com instalações, intervenções e apresentações artísticas na cidade (vídeo mapping, dança, DJ’s, ateliês abertos, etc), difundindo assim a diversidade cultural do nosso povo.
 
Além disso, é esperada uma maior representatividade de outros suportes e técnicas além das tradicionais telas e pinturas: esculturas, gravuras, bordados, tecelagem, etc, a fim de representar, mais fielmente, a variedade de técnicas e possibilidades de expressão naïf e popular produzida no Brasil todo.
 
    As inscrições tem início no dia 18/02, a partir das 13h (horário de Brasília) e se estendem até 13/04. O formulário está disponível em http://bit.ly/RegulamentoBienalNaiFs2014    ou acessewww.sescsp.org.br/piracicaba


    
Sobre a Bienal Naïfs
 
A Bienal originou-se das mostras anuais realizadas pelo Sesc Piracicaba, no período de 1986 a 1991, sempre com o propósito primordial de valorizar e divulgar essa vertente artística fortemente marcada por elementos que caracterizam a cultura popular brasileira.
 
A mostra é uma das principais referências do gênero artístico e promove a integração entre artistas, pesquisadores, colecionadores e galeristas – além de educadores e estudantes, com a finalidade de ampliar conhecimentos e garantir o debate acerca da produção visual no país.
 
Em suas últimas edições promoveu a diversificação do que se conhece por estética naïf tradicional, por meio da seleção de obras que contemplam a variedade da confecção popular e até a reutilização de materiais, um realinhamento do propósito primitivo-moderno que marca a arte ingênua.

 

Amauri C. M. da Costa

Sobre Amauri C. M. da Costa

Assessoria de imprensa SESC Piracicaba.

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>