Brasil vence a Bolívia e garante vaga na fase final do Torneio Pré-Olímpico

Seleção Olímpica venceu mais uma no Pré-Olímpico e se garantiu na fase final do torneio. Equipe volta a campo na próxima sexta-feira

100% de aproveitamento e classificação carimbada! Na noite desta terça-feira (28), o Brasil venceu a Bolívia por 5 a 3, pela quarta rodada do Torneio Pré-Olímpico e garantiu a vaga antecipada para o quadrangular final. Antony, Matheus Cunha, Guga, Reinier e Pepê marcaram os gols do triunfo brasileiro no Estádio Centenário de Armênia, na Colômbia. Com o resultado, a Canarinho segue na liderança do Grupo B, com nove pontos conquistados em três jogos.

A equipe comandada por André Jardine volta a campo na próxima sexta-feira (31) para encarar o Paraguai, pela última rodada da fase de grupos, também às 22h30 (de Brasília).

O jogo

Com a energia renovada, depois de folgar na última rodada, o Brasil começou o jogo em ritmo alucinante e precisou de apenas dois minutos para abrir a contagem. Paulinho recebeu ótimo passe de Guga, invadiu a área e cruzou na boa para Antony completar para as redes. A resposta boliviana veio com uma bola na trave de Vaca, aos cinco.

A Canarinho seguiu pressionando com boa troca passes no ataque e marcação alta. Aos dez, Antony quase fez o segundo dele, mas foi travado na hora exata da finalização. Matheus Cunha também teve boa chance de marcar, aos 14. Logo na sequência, após boa recuperação de bola, Antony achou Reinier pelo meio, que tocou para Matheus Cunha. O camisa 9 saiu de frente para meta, parou na marcação na primeira tentativa, mas não desperdiçou a segunda: 2 a 0.

Na marca dos 19, Abrego diminuiu a vantagem do Brasil: 2 a 1. Após o gol, a Bolívia equilibrou as ações, mas aos poucos a Seleção Brasileira retomou o controle da partida. Até que, aos 38, Matheus Henrique deu passe em profundidade para Guga, que livre dentro da área fez o terceiro da Canarinho.

Na volta do intervalo, o duelo perdeu em intensidade, mas a Seleção se manteve no ataque. Matheus Cunha arriscou o chute, aos sete, e viu Cordano fazer boa defesa. Cinco minutos depois, foi a vez de Matheus Henrique tentar de fora da área levando perigo ao gol boliviano.

Já aos 15, em contra-ataque fatal da Canarinho, Reinier recebeu de Paulinha e bateu cruzado para ampliar a vantagem brasileira: 4 a 1. Abrego, aos 25, e Reyes, aos 33, marcaram para a Bolívia. Mas a reação parou por aí. E nos acréscimos, Pepê soltou uma bomba para fazer 5 a 3 e dar números finais ao confronto.

BRASIL: Ivan, Guga, Nino, Robson Bambu e Caio Henrique; Bruno Guimarães, Matheus Henrique e Reinier (Bruno Fuchs); Antony, Paulinho (Pepê) e Matheus Cunha (Igor Gomes); Técnico: André Jardine

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.